Área Restrita
(21)9.7128-8797
(21)2705-4797

Depressão

"A vontade de viver desaparece, o silêncio se torna um aliado, o choro vem fácil e o isolamento mostra-se essencial."

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), entre todas as doenças médicas, a depressão está no topo do ranking da incapacitação. Para os indivíduos que estão na faixa etária compreendida entre 15 e 44 anos, a depressão é responsável por 8,6% dos anos vividos com incapacitação.

Para se ter uma idéia da gravidade deste transtorno psicológico, em torno de 15% da população mundial  sofrem de níveis significativos de sintomas relacionados à depressão, ou seja, entre 100 pessoas, 15 podem apresentar os sintomas ( que variam de leve a grave). Destas, pelo menos 12% experimentam depressão grave o suficiente para solicitarem tratamento em algum período de suas vidas. Por razões ainda não muito claras, o índice de depressão entre as mulheres de nações industrializadas ocidentais é aproximadamente duas vezes maior do que aquele encontrado entre os homens. É um transtorno que envolve componentes da esfera bioquímica e psicossocial.

Os sintomas mais freqüentes da depressão são:

Cognitivos - concentração debilitada, indecisão;Físicos - perda ou prejuízo do apetite e do sono;Comportamentais - níveis rebaixados de atividade, retraimento;Motivacionais - perda de interesse, inércia;Emocionais – ansiedade, culpa.   

A teoria Cognitiva da Depressão sugere que a experiência nos leva a formar suposições gerais sobre nós mesmos e o mundo que nos cerca. Isto quer dizer que a visão que uma pessoa possui de si e do mundo influencia a forma como pensa, sente e age. As suposições são utilizadas para organizar a nossa percepção, como também para orientar e avaliar o nosso comportamento. A capacidade de prever e compreender nossas experiências é útil e, na verdade, necessária para o nosso funcionamento normal. Algumas suposições, entretanto, são rígidas, extremas, resistentes à mudança e, portanto, disfuncionais.

Newsletter

Assine nosso Newsletter e receba novidades diretamente em seu e-mail.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Canais de atendimento

(21) 9.7128-8797
(21) 2705-4797
Funcionamento De segunda a sexta de 7h às 21h e sábados de 7h às 13h